Silver Screen

  • Silver Screen

Descrição do produto

Silver Screen

Emocionantes momentos em celulóide
...capturados para a eternidade

Esta exclusiva caneta, limitada a uma tiragem de só 420 unidades, rende homenagem a mais de 100 anos da historia do cinema.

Em 1887 Hannibal Goodwin criou o rolo de filme utilizando o celulóide como um novo meio fotográfico que assentou as bases da industria cinematográfica. E ao fazer isso, criou muito mais que um novo material para as imagens cinematográficas: fez possível que se compartissem momentos de diversão e risos, tudo isso através da magia dos filmes. Não foi até a chegada do celulóide quando estrelas como Charlie Chaplin, Marilyn Monroe ou James Dean fizeram-se mundialmente famosas. Mas os começos não foram fáceis: originalmente, os filmes fundiam-se com nitrato de celulose e eram sumamente inflamáveis, chegando quase a arder ao contacto com o calor. Uma característica perigosa que eliminou-se finalmente com a melhora do material cinematográfico na década dos anos 50.

O desenvolvimento de Hollywood como centro cinematográfico do mundo ocidental começou em 1911. Pouco depois da inauguração da primeira companhia cinematográfica na Costa Oeste dos Estados Unidos, muitos estudos transladaram-se ali desde Nova York, o epicentro original da industria. O clima suave, as prolongadas horas de luz solar e a liberdade das normativas e as restrições da Companhia de Patentes Cinematográficas de Nova York converteram a Los Ángeles e ao redor numa comunidade atractiva para a industria cinematográfica. Assim começou o triunfo da industria da Costa Oeste sobre a da Costa Este e isso supôs o anuncio duma nova época de filmes e estrelas de Hollywood. Desde a época dos filmes em branco e negro, do cinema mudo, até o cinema sonoro e os efeitos especiais dos êxitos de bilheteria actuais, nenhuma outra industria evolucionou tão rapidamente como a fábrica de sonhos que é Hollywood. O Passeio da Fama é o atractivo turístico mais célebre de Hollywood: em Hollywood Boulevard mais de 2.000 azulejos com estrelas rendem homenagem às celebridades do mundo do espectáculo tanto de agora como do passado.

Ai igual que “Tempos modernos”, “Casablanca” ou “O que o vento levou”, a Edição Limitada Silver Screen, é um ícone clássico feito para a eternidade. Um anel de celulóide autêntico em forma de tira de filme cinematográfico roda o eixo e quatro rubis de cor vermelho determinam com precisão o centro de cada estrela chapada em paládio e habilmente colocada. Estes elementos combinam-se para comemorar os momentos épicos da cinematografia de Hollywood. A cor negra clássica, junto com uns realces em prata de lei, oferecem uma elegância atemporal. O número de série de cada caneta Silver Screen está gravado em cada peça.

Disponível desde Novembro de 2009.

Disponible en anchos de escritura: M

A caneta "Silver Screen" foi lançada no ano 2009 e limita a 420 peças.

 

Preço de venda ao público recomendável

Silver Screen 1950 €

Mais detalhes

Assine a newsletter sobre escrita fina

Gostaria que o mantivéssemos informado sobre os todos os produtos novos de escrita fina da Pelikan?

Não tem problema! Assine a nossa newsletter e mantê-lo-emos informado sobre notícias e eventos.

O seu endereço será usado apenas para a newsletter e não deve ser dado a terceiros.